Modelo de Carta de Demissão, como criar corretamente?

Você resolveu finalmente sair daquele emprego, seja porque recebeu uma oferta melhor ou porque já não dava mais para continuar nele, por algum motivo. Mas e agora, como proceder? Veja aqui como pedir demissão e como redigir corretamente uma carta de demissão.

Como pedir demissão

Pedir demissão normalmente gera um friozinho na barriga. Você não sabe como o seu chefe irá reagir e nem o que ele irá pensar de você. É normal, quase todo mundo que pediu demissão um dia passou pelo mesmo frio na barriga. Mas se você acredita que é algo que você deve fazer, então faça. Tente se acalmar e conversar sem se exaltar, por mais que você tenha raiva de alguma situação, acontecimento ou pessoa.

É muito importante manter a calma e conversar de uma forma educada e profissional para manter a porta daquela empresa aberta para você, ou pelo menos manter o respeito e a sua reputação dentro daquela empresa. Na hora de pedir a demissão você pensa que nunca mais irá trabalhar naquele local, mas lembre-se que o mundo dá voltas e o melhor mesmo é manter a opção aberta para o futuro.

Além disso, futuros empregadores podem querer pegar referências sobre você e o seu trabalho, e se isso acontecer é bom que tenham algo de bom para falar de você. Certo? Imagine que horrível conseguir ir maravilhosamente bem na entrevista para o emprego dos sonhos e perder a oportunidade porque seu ex chefe não tinha coisas boas para falar de você? Por isso é importante sempre ser educado e sair bem da empresa, mesmo que você saiba que nunca mais irá trabalhar lá.

 

Aviso prévio: cumprir ou não?

Essa é uma decisão sua, que depende de variáveis como a sua disposição de continuar mais um mês naquele ambiente de trabalho, se a nova empresa contratante disse que irá esperar seu aviso prévio ou se eles têm urgência para o seu início lá, se você terá dinheiro suficiente para bancar a multa para sair sem aviso prévio, etc.

 

Lembre-se de que geralmente, para o seu atual empregador, o ideal é que você cumpra o aviso prévio, pois assim a empresa terá tempo de se adequar sem você por lá ou de arrumar alguém para te substituir. Então se você realmente quer sair de lá de forma educada e ficar bem na fita, o adequado mesmo seria cumprir o aviso prévio.

Carta de Demissão: o que é?

A carta de demissão serve para formalizar o que já foi dito antes para o seu chefe, mas não há a necessidade de explicar o motivo da saída nela. É necessário informar na carta de demissão se haverá ou não o cumprimento de aviso prévio.

Lembrando que a carta de demissão deverá sempre ser redigida à mão (nada de computadores!). Tente ao máximo deixar sua letra legível.

Modelo de Carta de Demissão com Pedido de Dispensa do Aviso Prévio

À (Nome da empresa)

Prezado(s) Senhor(es),

Por motivos pessoais, venho através desta apresentar meu pedido de demissão do cargo que ocupo nesta empresa.

Tenho interesse em desligar-me imediatamente, solicito a dispensa do cumprimento do aviso prévio.

 

______(Cidade)______, __(Dia)__ de ______(Mês)_______ de __(Ano)__.

 

_________(Assinatura do empregado)__________

(Nome do empregado por extenso, legível e em letras de forma)

Modelo de Carta de Demissão com Cumprimento de Aviso Prévio

À (Nome da empresa)

Prezado(s) Senhor(es),

Por motivos pessoais, venho através desta apresentar meu pedido de demissão do cargo que ocupo nesta empresa.

Informo que cumprimei o aviso prévio a que estou sujeito por lei.

 

______(Cidade)______, __(Dia)__ de ______(Mês)_______ de __(Ano)__.

 

_________(Assinatura do empregado)__________

(Nome do empregado por extenso, legível e em letras de forma)

Seguro desemprego: tenho direito?

O seguro desemprego somente se aplica aos casos de demissão sem justa causa em que o funcionário trabalhou por mais de um ano. Portanto, quem pede demissão não tem esse direito, não importando quanto tempo trabalhou na empresa.

Posso sacar meu FGTS?

Não. O FGTS também só poderá ser sacado em caso de demissão sem justa causa, no caso do término de um contrato com prazo fixo (exemplo: no caso de concluído o contrato de experiência), no caso de aposentadoria ou doença grave, como AIDS ou câncer. O FGTS não poderá ser sacado, mas poderá ser utilizado diretamente no caso de compra de apartamento ou casa nova.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>